Receba nossa newsletter e fique por

dentro das dicas e novidades da clinica Len   

 

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Ícone

desenvolvido por @onebranding

Fraldas - Retirada

A retirada das fraldas da criança (transição para micção e evacuação voluntária) é um processo muito importante e deve seguir algumas regras. É neste período que, se não forem tomados alguns cuidados, as crianças podem adquirir distúrbios no controle da eliminação de urina e fezes por toda a vida, como a obstipação (prisão de ventre), enurese ("xixi na cama"), encoprese (retenção voluntária das fezes), entre outros. 

 

Quando devemos começar o processo de retirada das fraldas? 

 

Para se iniciar este processo, a criança deve:

  • IDADE :Ter entre 2 anos e 2 anos e meio (ainda que algumas crianças possam desfraldar a partir de 1 ano e 8 meses).

  • Ser capaz de ficar sentada por 5 a 10 minutos,

  • Tirar suas roupas, que devem ser de fácil manuseio (com elástico) – ainda que o adulto deva fazê-lo.

  • Falar e compreender os termos para nomear urina e fezes,

  • Entender que existem locais apropriados para as eliminações.

  • Algumas crianças demoram até os 3 ou 4 anos de idade para iniciar a retirada das fraldas.

 

Não se deve forçar, em hipótese alguma, que uma criança aprenda o controle voluntário antes dos dois anos de idade. Antes desta idade, porém, se você perceber que há indícios que a própria criança QUER urinar ou evacuar no penico ou privada, não há restrições.

 

Como devemos proceder para o início do aprendizado? 

 

- Procure um penico simples. Caso perceba que a criança não tem restrições em sentar no vaso sanitário (com redutor), pode usá-lo. 

- PENICO – Mantenha no banheiro, ao lado do vaso sanitário. Não deixe que o penico seja usado para qualquer outro fim. 

- Nos primeiros contatos com o penico, estimule a criança a sentar com roupa, usá-lo como assento. 

  • Troque/higienize sempre que as fraldas contiverem eliminações.

  • Deixe-a com cueca ou calcinha e estimule-a a tirar quando for sentar no penico ou quando expressar vontade de urinar ou evacuar.

  • Meninos e meninas aprendem primeiro sentados. Quando completar o aprendizado, o menino deve ser estimulado a ficar de pé para urinar ('como o pai e outros meninos').

  • Meninos podem ser estimulados a urinar, em pé, em outras situações: no box, na hora do banho; em um jardim ('na formiguinha').

Estes procedimentos devem ser os mesmos em casa e na escola, e o processo deve começar concomitante nos dois lugares.

 

Lembre-se: 

 

  • Não há necessidade de deixar a criança 'suja' de urina e fezes na roupa para que ela aprenda a controlar os esfíncteres. Mas caso isso ocorra, espere a criança solicitar a troca e neste momento converse e estimule-a ao uso do penico ou vaso.

  • A retirada de fraldas pode ser feita em qualquer época do ano, mas é mais fácil nos períodos de calor.

  • Meninas costumam aprender antes que os meninos.

  • No início do treinamento, "acidentes" podem ocorrer: para evitar que a criança faça suas eliminações em locais inapropriados, a fralda pode ser usada no carro, em transportes em geral, em passeios, etc.

  • Procure sempre fazer o reforço positivo, elogiando bastante. Não dê broncas ou critique.

  • O controle noturno dos esfíncteres ocorre normalmente entre 6 e 12 meses após o controle diurno, ao redor dos três anos de idade. Até os 5 anos de idade é normal que ocorram alguns episódios de enurese noturna.

  • Evite banhos de piscina e mar com fraldas comuns. Utilize as fraldas próprias para piscina.

  • TENHA PACIÊNCIA e lembre que cada criança tem o seu ritmo e tempo certo para a retirada das fraldas