Receba nossa newsletter e fique por

dentro das dicas e novidades da clinica Len   

 

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Ícone

desenvolvido por @onebranding

Cinetose

Cinetose (Enjoo do Movimento)

Nas férias - mesmo fora delas - uma das queixas comuns dos pais é que seus filhos ficam enjoados, tontos, vomitam, suam frio e tem mal-estar durante as viagens de carro, navio ou avião. 
Estes sintomas caracterizam a cinetose (o nome vem do grego kinetos = "movimento").
Mesmo a simples sensação de movimento (como os cinemas 180º) pode causar grandes cinetoses. Uma apresentação de power-point com imagens indo de um lado para o outro, idem.

A cinetose é uma doença benigna e chata, porque algumas crianças chegam a vomitar em trajetos curtos e sem muitas curvas, como da casa para a escola. Em estradas tortuosas e passeios de barco, é inevitável para muitos. Montanhas-russas e demais brinquedos girar-gira, idem.
Não se sabe exatamente a causa deste problema, mas tem relação com os líquidos que regem nosso equilíbrio: de dentro do ouvido (os populares "labirintos") e os oculares. Chacoalhou, enjoou.

Como evitar a cinetose?

 

- Em primeiro lugar, sendo possível, ingerir pouco ou nenhum alimento ou líquido antes da viagem.
- Olhar para a frente, para o horizonte, ajuda.
- Ler ou jogar joguinhos no carro é causa certeira de cinetose.  Algumas crianças enjoam de asistir tablets ou DVD no carro.
- Em barcos sentar sempre de frente, olhando para frente. Nos barcos, ficar em pé pode ajudar. 

Tratamento da cinetose - Mesmo com todas as medidas de prevenção, a maioria das pessoas que tem cinetose passam mal em movimento. Algumas medicações de venda livre ajudam muito a prevenção (como todos os remédios, a orientação deve ser feita por um médico):

 

- Dimenidrinato (conhecido por todos, é o Dramin): seguro e eficaz, sendo que na versão "B6" não dá sono. Nos EUA você encontra de todas as formas possíveis (mastigáveis, fitinhas, gomas...)
- Meclizina: também é ótimo, inclusive eu (que tenho cinetose de carteirinha) uso o norte-americano Zentrip, que é uma fitinha que dissolve na boca.
- Escopolamina: este já é mais forte,.Não temos no Brasil. Nos EUA chama-se Transderm-Scop, um adesivo para colocar em baixo da orelha, vendido com prescrição. Quem tem cinetose das boas (e os mergulhadores) conhecem bem.
- Ondansetron: outro medicamento de "resgate", quando os vômitos já começaram. É o Vonau Flash. 

 

Não use nenhum medicamento antes de orientação médica. 

Remédios podem ter efeitos colaterais importantes.

 

Pulseirinhas não funcionam bem contra cinetose.
Medicamentos naturais (como aqueles a base de gengibre) tem pouca ação.

Para os casos mais complicados - aquelas crianças que enjoam no dia-a-dia (e não podem tomar Dramin diariamente pelo resto da vida) existe a terapia de reabilitação vestibular. É uma fisioterapia, com exercícios posturais e visuais feita por fonoaudiólogos, que visa diminuir estes sintomas.

De qualquer forma, leve sempre toalhas de banho e saquinhos no carro...bem como a troca de roupas...Quem tem cinetose, conhece o problema...